GelatinTreatsforDogs-Treats

Clique na figura para pegar mais receitas de gelatina funcional para pets!

A gelatina – quem diria? – é um alimento com potente ação antiinflamatória e protetora da saúde neurológica. Seu consumo é indicado principalmente a cães e gatos que sofrem de convulsões e males ortopédicos, como displasia de quadril ou de cotovelo, luxação patelar e problemas na coluna. Mas os peludos saudáveis também podem se beneficiar com suas amplas vantagens.

O efeito pró-cérebro deriva da glicina, o principal aminoácido da gelatina e um conhecido agente anti-epilepsia e anti-dano cerebral. Isso sem falar no colágeno, que é abundantíssimo na gelatina e atua no reparo dos tecidos, beneficiando principalmente cartilagens, tendões e a pele. Quer mais? Tem zero gordura e ainda fornece um pouco de cobre e selênio.

Mas saiba que não é toda gelatina que faz bem. FUJA daquele tipo consumido como sobremesa, colorido, adoçado e lotado de aditivos artificiais que patrocinam de mudanças no comportamento (e, consequentemente, agravo de quadro epiléptico) a alergias.

Estou falando da gelatina sem sabor, transparente e sem adição de açúcar ou adoçante, em geral baratinha e facilmente encontrada em supermercados e lojas de produtos naturais. Pode ser misturada diretamente na refeição antes de servir, alguns dias por semana, na seguinte dosagem:

* pets que pesam até 5kg: 1 colherinha de café 2x ao dia
* entre 5kg e 12kg: 1 colher de meia de chá 2x ao dia
* 12kg a 25kg: 3 colheres de chá 2x ao dia
* 25kg a 36kg: 6 colheres de chá 2x ao dia
* 36kg a 50kg ou mais: 3 colheres de sopa 2x ao dia

Não precisa dissolver nem hidratar, apenas misture diretamente o pózinho a algum alimento úmido, na dieta caseira, iogurte, ricota, queijo cottage etc. (Só não funciona tão bem adicionada à ração seca, porque não mistura.)

Você também pode usar a criatividade e inclui-la em receitas, como a que segue abaixo, de gelatina sabor de carne para pets. Bora aprender a preparar?

Petisco de gelatina natural para cães e gatos

Ingredientes:

  • 1/2 xícara de gelatina sem sabor, transparente e sem adoçantes
  • 1/2 xícara de caldo de carne natural frio (sugestão: ferva um pouco de carne em água até saturar a água com o sabor da carne e use este “caldo” frio)
  • 1 1/2 xícara de líquido fervendo (pode ser o caldo de carne acima ou água mesmo)

Como preparar:

Coloque a 1/2 xícara de gelatina em uma cuba de vidro. Adicione 1/2 xícara do líquido frio e reserve por 1 minuto para amolecer. Despeje 1 1/2 xícara do líquido fervente (água ou caldo) sobre a gelatina amolecida e mexa até a gelatina se dissolver completamente (demora cerca de 5 minutos, mais ou menos). Para produzir um petisco mais firme, use mais gelatina. Despeje a mistura sobre uma assadeira de 20cm por 25cm, aproximadamente, e depois deixe endurecer na geladeira.

Uma vez durinha, corte a gelatina em tiras proporcionais ao porte do pet e sirva algumas por dia. Armazene na geladeira e descarte quando perder a boa aparência – como você faria com gelatina de sobremesa.

Contraindicações:

Pets com intolerância gastrintestinal e/ou hipersensibilidade (alergia) a proteína de boi, que é a base da gelatina. E peludos que requerem restrição dietética de proteína (nefropatas, formadores de cálculos e portadores de shunt portossistêmico). Na dúvida, consulte o médico-veterinário do seu animal.

Fontes:

Fique por dentro!

Fique por dentro!

Inscreva-se na nossa newsletter para receber nossas novidades por email.

You have Successfully Subscribed!