Os complementos da Alimentação Natural do Cachorro Verde são necessários?

Almoço da Corah, com um pouco de alho fresco picadinho, iogurte e levedo de cerveja

Nisandra pergunta:

Escrevo (…) para dizer que o Bino AMA a Alimentação Natural (AN) e nós também. (…) O que percebemos é que as coceiras na pele diminuíram bastante. Aproveito para perguntar sobre os “complementos” (recomendados na AN de vocês) como iogurte, azeite, etc. Eles devem ser dados todos os dias? Isso me intriga um pouco e a nova vet do pet shop onde vamos  disse que devo usar complementos comprados, tipo remédio. Isso é fato ou se eu utilizar uma AN bem balanceada não é necessário?

Cachorro Verde responde:

Olá, Nisandra,

Fico muito contente de saber que o Bino é um feliz adepto da AN! Os suplementos da nossa AN são sugeridos para uso diário, embora não sejam itens estritamente essenciais à dieta. Mas que ajudam a enriquecê-la, ajudam! O azeite é fonte de ácidos graxos valiosos e vitamina E. O óleo de peixe é fonte dos preciosíssimos ômegas-3, que aumentam a imunidade, combatem inflamações, e protegem o coração, a bexiga,  o cérebro e a pele. O iogurte natural integral é fonte de boas bactérias (probióticos) e seu consumo diário dificulta a instalação de bactérias causadoras de doenças (presentes nas carnes cruas) no intestino dos pets. A levedura de cerveja é fonte de complexo B e é prebiótica, agindo em sinergismo com o iogurte na defesa do intestino. Um pouquinho de alho fresco, por sua vez, é viricida, bactericida, vermicida, e tem propriedades anti-câncer. E o óleo de coco é um alimento com muitas propriedades nutracêuticas interessantes, como comentamos nesse post.

Enfim, suplementos como esses não são essenciais se a dieta é bem balanceada e variada. Mas ajudam muito. Principalmente porque vegetais cultivados e animais criados de forma tradicional – não-orgânica, não-caipira – não raro estão empobrecidos nutricionalmente, em função do massivo emprego de defensivos agrícolas, antibióticos, etc.

Hoje, uma das áreas mais estudadas em Nutrição Humana e Pet envolve justamente os chamados alimentos funcionais ou nutracêuticos. Estudos comprovam que eles realmente fazem a diferença na saúde, favorecendo a imunidade e a longevidade.

A administração de complexo multivitamínico-mineral é válida quando o pet recebe uma dieta desbalanceada (ex: arroz com frango). No caso da AN, a suplementação é um bônus, empregada não para evitar doenças carenciais, mas para fornecer elementos nobres que comprovadamente previnem doenças e retardam o envelhecimento. Para uma melhor compreensão desse tema, sugiro a leitura deste artigo que traduzi, e que discute muito bem essa questão das vitaminas naturais x as sintéticas.

Abraços e obrigada por visitar o Cachorro Verde!

Fique por dentro!

Fique por dentro!

Inscreva-se na nossa newsletter para receber nossas novidades por email.

You have Successfully Subscribed!